HMC inicia 2016 convocando doadores para reforçar os estoques de sangue

O Natal e o Ano Novo proporcionaram momentos de celebração, união familiar, viagens inesquecíveis e descanso para muitas pessoas. Entretanto, para o Hospital Márcio Cunha, o fim de ano com feriados prolongados também foi marcado pela redução de, aproximadamente, 50% no volume de doações de sangue e a baixa quantidade de hemocomponentes disponíveis nos estoques do setor de Hemoterapia.
A cada gesto voluntário, o sangue coletado passa por um processo de centrifugação, em que ocorre a separação dos hemocomponentes (plasma fresco congelado, plaquetas e hemácias), utilizados em transfusões de acordo com a necessidade de cada paciente. O primeiro componente, de cor vermelha (hemácias), pode ser usado em pacientes anêmicos, que passaram por cirurgia ou que perderam muito sangue.
Já o concentrado de plaquetas é um líquido amarelo, responsável pela coagulação do sangue, e é imprescindível para auxiliar pacientes com leucemia em tratamento de quimioterapia e que sofreram alguma hemorragia. Contudo, esse material deve ser utilizado em até cinco dias, senão é descartado, o que reitera ainda mais a importância desse gesto. “Nesse momento, o mais importante é a vinda de doadores para realizar a produção do concentrado de plaquetas, pois um paciente desse perfil precisa de seis concentrados. Ou seja, são necessários seis doadores para ajudar um paciente”, ressalta o médico hematologista Marcos Aurélio Mergh Murer, responsável técnico do setor de Hemoterapia do HMC.
Se você já é um doador ou deseja tornar-se um, independente do seu tipo sanguíneo, ajude a quem precisa. Basta comparecer ao setor de Hemoterapia da Unidade I do Hospital Márcio Cunha (no bairro das Águas) para fazer a sua doação, que é rápida e segura. Não há necessidade de agendamento de data ou horário, apenas levar um documento oficial com foto e assinatura.
DSC_0053Para doar sangue
Ao entrar na Recepção Principal da Unidade I do HMC, o doador pode se dirigir ao atendimento no guichê 16 – Doação de Sangue, localizado à esquerda de quem entra. Feito o cadastro, o doador recebe uma etiqueta de identificação e se dirige ao serviço de Hemoterapia (acesso pela recepção de visitas aos apartamentos).
Segundo as recomendações do Ministério da Saúde e da Anvisa, são critérios para doação: estar em boas condições de saúde, ter entre 18 e 68 anos ou idade de 16 a 17 anos com o consentimento formal dos responsáveis legais, pesar mais de 52 kg e ter comportamento sexual seguro. Doar sangue é um gesto de solidariedade e ajuda a salvar vidas. Participe ou incentive um amigo a realizar esta prática.
A Hemoterapia do HMC funciona de segunda à sexta em dois horários, das 7h às 11h30 e das 15h às 18h30.
 

Postagens Relacionadas

Rolar para cima
Pular para o conteúdo