A voz do cliente na FSFX

Por meio do Conselho Consultivo de Clientes, pacientes e familiares têm espaço para propor e discutir melhorias diretamente com gestores da Fundação

Conselho-Consultivo-noticiaEstar de portas abertas e disposta a ouvir tem tornado a Fundação São Francisco Xavier (FSFX) uma instituição ainda melhor. Prova disso nos últimos meses é a criação do Conselho Consultivo de Clientes, o mais novo canal de relacionamento da Fundação com a comunidade do Vale do Aço.
A partir dessa maior abertura ao diálogo, a instituição reforçou sua preocupação com a satisfação dos clientes em todas as suas unidades, principalmente no Hospital Márcio Cunha, com iniciativas como: treinamento de toda equipe de enfermagem com foco na humanização do atendimento; novo procedimento para atendimento de pacientes com alergia alimentar; mudanças no site, incluindo novas facilidades para o cliente, entre outras mudanças introduzidas nas práticas e processos da instituição.
Os resultados positivos são fruto dos apontamentos feitos pelos próprios clientes nos dois primeiros encontros do Conselho Consultivo de Clientes, que reúne, a cada três meses, profissionais da FSFX e outros 18 integrantes. Entre eles, estão pacientes do Hospital Márcio Cunha por meio da Usisaúde, de convênios e do Sistema Único de Saúde (SUS), além de empregados e aposentados da Usiminas que estiveram internados ou utilizaram serviços como exames e ambulatórios recentemente.
Para a Gerente de Relacionamento com Clientes Elaine Andrade Silva Vieira, as opiniões do grupo têm contribuído de forma positiva nas atividades desempenhadas pelo Hospital Márcio Cunha e pela Usisaúde. “Entender e conhecer o que os clientes querem receber, suas necessidades e dificuldades são aspectos fundamentais para as boas relações e produtividade da instituição. Esses encontros são momentos especiais, onde temos a oportunidade de estreitar a relação com o cliente, que tem atuado de forma efetiva perante a Fundação”, destaca.
No último encontro do Conselho, realizado semana passada, profissionais de áreas específicas relacionadas aos problemas levantados no encontro anterior apresentaram ações que já foram tomadas ou que serão implantadas para a aprovação do próprio Conselho Consultivo de Clientes. Além disso, o grupo já tem o compromisso de voltar a discutir e avaliar soluções, resultados e outras decisões a serem tomadas em curto prazo no próximo encontro, marcado para fevereiro.
“Participar do Conselho Consultivo de Clientes tem sido uma experiência enriquecedora. Fiquei feliz e surpresa ao mesmo tempo, principalmente, por ter sido uma iniciativa da instituição. Enquanto membro do grupo e usuária dos serviços do HMC, afirmo que esse canal direto é a melhor ferramenta para integrar a comunidade e entender as nossas reais necessidades. A Fundação está de parabéns pelo comprometimento e iniciativa”, ressalta Junia Gomes Santos, membro do Conselho Consultivo de Clientes da FSFX.
O grupo foi definido criteriosamente a partir de críticas, reclamações e elogios registrados na Central de Relacionamento com Clientes. A ideia é oportunizar diálogos e relacionamento com a comunidade por meio do maior número possível de participantes. Por isso, a cada ano, os integrantes serão substituídos por novos convidados.
Mais opções
A Fundação São Francisco Xavier ouve e expande sua interação com clientes também em diversos outros meios. Nesse sentido, destacam-se outras importantes ações, como a ampliação dos canais de marcação de exames, que agora podem ser realizados pelo WhatsApp (31 9 9686-1060) e nos postos de atendimento dentro da Usiminas. Já os Centros de Atendimento da Usisaúde no HMC e em Belo Horizonte passaram a contar com um equipamento que viabiliza a comunicação e o atendimento a deficientes auditivos e pessoas com dificuldades na fala.
 

Postagens Relacionadas

Abordagem multifatorial e tratamento personalizado são essenciais para lidar com a doença e melhorar a qualidade de vida Atingindo cerca de 15% da população…
Rolar para cima
Pular para o conteúdo