Hospital Márcio Cunha promove 1ª Eucaristia a paciente de 10 anos

A cerimônia católica aconteceu na capela do HMC I e contou com a presença de alguns familiares da paciente. A missa foi presidida pelo pároco de Ubaporanga, cidade da criança.

Uma cerimônia católica com todos os ritos, dedicados a um momento importante e esperado na vida de Thaís de Freitas Moreira, de 10 anos, foi realizada na última sexta-feira, 27 de outubro. Internada há cerca de 30 dias na unidade I do Hospital Márcio Cunha, em Ipatinga, a paciente, da cidade de Ubaporanga, recebeu a consagração da Primeira Eucaristia. A missa, realizada na capela da unidade hospitalar, foi presidida pelo pároco Raniel Carlos de Freitas, da paróquia São Domingos de Gusmão, da cidade da criança. Um momento espiritual acolhedor reuniu os profissionais da saúde e os familiares da paciente, para atender a um pedido especial da criança, que expressou em sorrisos e emoção, sua gratidão pela oportunidade única.

“Ver a minha filha recebendo a Primeira Comunhão é uma benção muito grande para a nossa família. Ela receberia a primeira eucaristia em outra ocasião, mas por motivos de saúde, a gente conversou com o padre e ele se propôs a vir celebrar. Sou muito grata por essa oportunidade e achei muito importante o hospital permitir e fazer esse acolhimento, dá uma sensação de carinho”, destaca a mãe da paciente, Irani Eugênia de Freitas Moreira.

A inciativa foi possível a partir de uma mobilização do Serviço Social do HMC, que exerce um papel fundamental no apoio integral aos pacientes assistidos na unidade. Para Maria Inês Romano Teixeira, supervisora da Assistência Multidisciplinar do HMC, promover ações de acolhimento como essa, desempenham um papel importante na assistência ao paciente.

“O nosso trabalho não é só cuidar do corpo, mas também da vida espiritual daqueles que são assistidos no HMC. A partir da promoção de ações como essa, o HMC reafirma seu compromisso com a humanização e cuidados com a saúde, somando de forma integral no processo de recuperação dos pacientes”, conclui Maria Inês.

Postagens Relacionadas

Especialista da FSFX reforça a importância de exames regulares para diagnosticar doença silenciosa Celebrado no dia 26 de maio, o Dia Nacional de Combate…
Rolar para cima
Pular para o conteúdo