UTI’S do HMC conquistam o selo Top Performer pela sexta vez

Unidade de saúde é a única com o título de UTI Cardiológica Top Performer de Minas Gerais

As unidades de terapia intensiva adulto (UTIs) do Hospital Márcio Cunha conquistaram, por mais um ano, o selo Top Performer, certificação que reconhece a excelência no desempenho e qualidade no atendimento aos pacientes críticos. 

Dos 800 hospitais participantes do projeto, apenas 157 receberam o selo. A UTI Coronariana II do HMC foi uma das contempladas. Composta por 10 leitos, a unidade foi destaque em Minas Gerais, sendo a única do estado a conquistar o título UTI Cardiológica Top Performer, demonstrando um trabalho de excelência com envolvimento de toda equipe multidisciplinar.

Criado em 2016, o certificado ‘Top Performer’ é concedido às unidades de saúde de todo país que alcançam os melhores resultados clínicos e utilizam os recursos de forma eficiente, apresentando excelência e qualidade no cuidado.

A certificação anual é realizada pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira (AMIB) e pela Epimed Solution, empresa especializada em soluções para gestão de informações clínicas e epidemiológicas. A avaliação de desempenho é feita com base no cruzamento dos indicadores de altas taxas de sobrevida hospitalar com baixos períodos de permanência no leito ajustadas pela gravidade.

Segundo o médico responsável técnico de uma das UTIs do HMC, Hilo Campos Frois, por meio da gestão de dados, que são contabilizados diariamente, a equipe multidisciplinar consegue otimizar a assistência aos pacientes para a melhor utilização dos recursos disponíveis. Ele destaca que os recursos utilizados, em comparação com os desfechos assistenciais, direcionam a eficiência do serviço.

Melhor desempenho
Presente no projeto desde 2018, o HMC busca aprimorar a qualidade do atendimento aos pacientes a cada ano.

Segundo a Coordenadora das UTIs Adulto do HMC, Karina de Cássia Pereira, o selo top performer é a evidência de que a gestão do serviço de terapia intensiva do Hospital Márcio Cunha está nos moldes do que existe de mais atualizado e aplicável para a sustentabilidade das unidades intensivas. “O selo chancela que nossos pacientes assistidos tiveram desfechos favoráveis com a utilização de recursos adequados e reforça o comprometimento da Instituição com a estrutura, processos e treinamento de pessoas”. 

Melhoria contínua

Recentemente, o HMC entrou na lista dos melhores hospitais do Brasil, sendo o 5º em Minas Gerais, segundo levantamento do World’s Best Hospitals 2024. Além disso, o Hospital Márcio Cunha foi classificado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) como unidade com grau de “Alta Conformidade” nas práticas de segurança do paciente, cumprindo 100% dos requisitos avaliados. A análise, com o objetivo de promover a cultura de segurança nas instituições de saúde, avaliou 21 indicadores baseados na Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) Nº 36/2013 da Anvisa.

Hospital Márcio Cunha – Hospital geral de alta complexidade com 55 anos de atuação. Possui 558 leitos e três unidades, sendo duas do HMC e uma unidade de tratamento oncológico. Atende a uma população de mais de 1,3 milhão de habitantes de 67 municípios de Minas Gerais e conta com cerca de 550 médicos em 50 especialidades, sendo o 6º em número de internações e o 4º hospital em número de partos. Com prestação de serviços nas áreas de ambulatório, pronto-socorro, internação e apoio diagnóstico, atualmente atende 70% pelo SUS, além de convênios e da Usisaúde.

Postagens Relacionadas

Especialista da FSFX reforça a importância de exames regulares para diagnosticar doença silenciosa Celebrado no dia 26 de maio, o Dia Nacional de Combate…
Rolar para cima
Pular para o conteúdo