Como os exercícios podem ajudar a abandonar o cigarro?

Muito se fala sobre os malefícios do cigarro e a importância de abandonar o hábito para prevenir doenças e melhorar a qualidade de vida.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 5 milhões de pessoas morrem anualmente devido ao tabagismo e, no Brasil, cerca de 200 mil mortes são atribuídas ao cigarro de acordo com dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA).

Existem vários métodos que podem auxiliar uma pessoa que deseja abandonar o hábito de fumar, e a  prática regular de atividade física pode ser uma grande aliada neste processo, já que ela libera hormônios como a endorfina, que provoca a sensação de bem-estar, além da serotonina e dopamina que são responsáveis pela diminuição do estresse e ansiedade.

A atividade física também contribui para melhorar as funções cardiorrespiratórias, pois melhoram o transporte de oxigênio através do sangue. Enquanto o consumo de tabaco eleva a pressão sanguínea devido à diminuição da oxigenação e inflamação dos alvéolos pulmonares, a prática regular de atividades age de maneira contrária, abrindo as vias aéreas a fim de aumentar a ventilação e estimular a oxigenação do corpo.

Em longo prazo, os riscos de desenvolvimento de câncer de pulmão podem diminuir consideravelmente.

O mais importante para indivíduos fumantes é lembrar-se sempre de que o cigarro é extremamente prejudicial à saúde e que parar de consumi-lo é uma decisão muito particular. Se você fuma e gostaria de apoio para abandonar este hábito, a Usisaúde pode apoiá-lo através do Projeto Inspirar.

Postagens Relacionadas

Médico do Hospital Márcio Cunha alerta sobre a privação do sono que pode levar a distúrbios como depressão, insônia e apneia. O sono adequado…
Rolar para cima
Pular para o conteúdo