Dia Internacional do Café

Para além do sabor e da sensação de aconchego que a bebida proporciona para muitas pessoas, o café possui substâncias nutritivas que trazem inúmeros benefícios para o organismo, mas a bebida deve ser consumida com moderação.

A cafeína, que é o principal componente do café, pode ser heroína ou vilã, dependendo de quanto café é ingerido pela pessoa em um dia. Duas xícaras são suficientes para alcançar benefícios relacionados à aceleração do sistema nervoso central fazendo, por exemplo, com que a pessoa se sinta acordada, alerta e com mais disposição.

Além da cafeína o café apresenta uma substância chamada de ácido clorogênico, responsável por grande parte da atividade antioxidante da bebida que tem sido associada a capacidade de inibir as inflamações e, portanto, reduzir o risco de doenças cardiovasculares e outras doenças inflamatórias. Por último, há ainda a niacina, que é uma vitamina do complexo B, formada pela degradação de um composto naturalmente presente no grão.

Outra vantagem do consumo diário de café diz respeito à associação do café com depressão, já que as substâncias encontradas na bebida estimulam o sistema nervoso central e agem positivamente no humor, na disposição, e no desempenho cognitivo devido ao seu efeito psicoestimulante. Além disso, o consumo de café está intimamente associado a hábitos sociais de convívio que, por si só, aumentam o bem-estar pessoal.

Apesar de todos os benefícios, o café também pode prejudicar em algumas situações, já que o excesso de cafeína pode ocasionar síndrome de abstinência provocando nervosismo, inquietação, alteração do ritmo cardíaco, insônia, além de diversos outros sintomas.

Para que isto se resolva é necessário realizar uma desintoxicação, que pode levar o consumidor de café a desenvolver dores de cabeça, dificuldade de concentração e fadiga. A boa notícia é que estes sintomas são transitórios.

No fim das contas, a lição que fica é que o cafezinho nosso de cada dia pode ser um ótimo aliado da nossa saúde, desde que consumido em quantidade adequada.

Postagens Relacionadas

Condição crônica atinge população mais jovem devido a estilo de vida pouco saudável A hipertensão arterial, popularmente conhecida como pressão alta, é uma condição…
Rolar para cima
Pular para o conteúdo