O que são alimentos diet, light e integrais?

Conteúdo atualizado em 04/11/2021

Tempo de leitura: 5 minutos

Provavelmente, você já foi pego no corredor do supermercado pensando em qual seria a melhor escolha a ser feita diante de um único produto que apresenta diferentes versões.

Muitos produtos, possuem descrições como: diet, light, zero, “baixo teor”, ”reduzido”, integral, e que podem confundir o consumidor no momento da escolha. Você sabe a diferença entre esses termos e como essa escolha pode influenciar na qualidade do produto?

O objetivo deste post é mostrar essas diferenças e ajudar você a fazer boas escolhas no momento das compras. Continue lendo e veja como conhecer os alimentos é importante para manter a saúde em dia!

O que são alimentos light?

Os produtos light são aqueles que, se comparados às versões originais, apresentam uma redução de pelo menos 25% do valor calórico ou de algum nutriente que compõem sua fórmula. São indicados para quem deseja diminuir o consumo de nutrientes específicos como açúcares, gorduras e sódio. Nas embalagens podem aparecer também as descrições “baixo teor” ou “reduzido”.

O que são alimentos diet?

Produtos diet ou “zero” são indicados para pessoas que possuem necessidades específicas, como diabéticos, hipertensos, intolerantes à lactose e celíacos, e devem controlar ou suprimir, por exemplo, o consumo de algum nutriente como açúcar, sódio, gorduras, lactose e glúten.

O que são alimentos integrais?

Os alimentos integrais, como grãos e cereais, por outro lado, não possuem isenção de nenhum nutriente, pelo contrário, por não serem processados (ou pouco processados) eles mantêm suas características originais e uma maior concentração de nutrientes. São ricos em fibras, vitaminas e minerais como ferro, fósforo, selênio e magnésio.

É importante, no entanto, ter atenção ao rótulo, visto que alguns produtos e marcas trazem em sua fórmula um percentual pequeno de farinha integral misturada à farinha branca. No momento da escolha, uma dica é conferir se o produto que você está consumindo é 100% integral, verificando se no rótulo aparece apenas a farinha integral na lista de ingredientes.

É saudável incluir produtos diet e light no dia a dia?

Há quem pense que o planejamento alimentar, seja de emagrecimento ou para manter uma vida saudável, deve ser composto por alimentos diet e light. Mas, por serem produtos ultraprocessados, contêm diversos aditivos químicos que podem não fazer bem à saúde. 

Durante o processamento, muitos produtos podem sofrer transformações que prejudicam a sua qualidade nutricional, como, aumentar a gordura enquanto diminui o açúcar. É fundamental, portanto, atentar para a tabela nutricional e verificar se a substituição é justificável.

Pode parecer a princípio que a troca é uma boa estratégia, mas ao final não surtir o efeito desejado. Além disso, os gastos com produtos diet e light costumam ser bem mais elevados que os convencionais, o que não favorece o custo-benefício.

Portanto, são produtos que podem até ser incluídos nas refeições, mas sendo crítico nas escolhas e inserindo em menor proporção, combinados com os alimentos naturais ou minimamente processados, que devem ocupar a maior parte da composição do prato. 

O ideal é que o consumo de alimento diet e light seja orientado por um profissional, que irá levar em consideração todas individualidades e condições de saúde do indivíduo. 

Os produtos diet e light são recomendados para pessoas com restrições alimentares, que realmente demandam uma alimentação específica. Para quem deseja equilibrar o peso ou ter hábitos mais saudáveis, o ideal é recorrer aos alimentos naturais, incluindo diversos grupos de alimentos, como grãos e cereais integrais, leguminosas, frutas, legumes, verduras, oleaginosas, laticínios, carnes e ovos.

Quais os benefícios do consumo dos alimentos integrais? 

Conforme mencionado anteriormente, os alimentos integrais são ricos em fibras, vitaminas e minerais, pois estão em sua versão natural, São alimentos obtidos de plantas e animais. 

Vale destacar a presença de um maior teor de fibras, quando comparado às versões não integrais e suas funções no organismo. Elas são importantes para manter o bom funcionamento do intestino, promover a saciedade, auxiliar a manutenção dos níveis de glicose e colesterol, dentre outras funções. 

Como você pode ver, para uma alimentação saudável deve-se ter em mente que quanto mais próximo da sua forma original ou natural, mais interessante será o alimento e, para a inclusão de alimentos com finalidades específicas, como diet e light, o recomendado é contar com a orientação e acompanhamento de um nutricionista.

Gostou do post? Lembre-se sempre de ler os rótulos, afinal é sua saúde que está em jogo e aproveite que está em nosso blog e veja também os risco do excesso de açúcar na alimentação!

Referências:

AGÊNCIA BRASIL. Anvisa: alimentos integrais terão novas regras. 2021. Disponível em: <https://agenciabrasil.ebc.com.br/saude/noticia/2021-05/alimentos-integrais-terao-novas-regras>. Acesso em: 20 Set. 2021.

CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS 6ª REGIÃO. Anvisa vai definir regras para uso do termo “integral” em alimentos. Disponível em: <https://www.crn6.org.br/anvisa-vai-definir-regras-para-uso-do-termo-integral-em-alimentos>. Acesso em: 20 Set. 2021.

DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO. Resolução de diretoria colegiada – RDC Nº 429 de 8 de outubro de 2020. 2020. Disponível em: <https://www.in.gov.br/web/dou/-/resolucao-de-diretoria-colegiada-rdc-n-429-de-8-de-outubro-de-2020-282070599>. Acesso em: 20 Set. 2021.

INMETRO. Produtos Diet e Light – Parte I – Produtos Diet. Disponível em: <http://www.inmetro.gov.br/consumidor/produtos/prodLigthDiet1.asp>. Acesso em: 20 Set. 2021.

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Entenda o que são produtos light e diet. 2017. Disponível em: <https://saudebrasil.saude.gov.br/ter-peso-saudavel/entenda-o-que-sao-produtos-light-e-diet>. Acesso em: 20 Set. 2021.

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Entenda os rótulos: o que está por trás dos alimentos light e diet? 2019. Disponível em: <https://saudebrasil.saude.gov.br/eu-quero-me-alimentar-melhor/entenda-os-rotulos-o-que-esta-por-tras-dos-alimentos-light-e-diet>. Acesso em: 20 Set. 2021.

SECRETARIA DE SAÚDE DO GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO. Light e diet: você sabe mesmo que alimentos são estes?. 2018. Disponível em: <https://www.saude.rj.gov.br/viver-melhor/noticias/2018/03/light-e-diet-voce-sabe-mesmo-que-alimentos-sao-estes>. Acesso em: 20 Set. 2021.

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SÃO PAULO (USP). Alimentos DIET, LIGHT, ZERO… o que significam?. 2017. Disponível em: <https://www.fsp.usp.br/crnutri/index.php/2017/01/11/alimentos-diet-light-zero-o-que-significam/>. Acesso em: 20 Set. 2021.

Postagens Relacionadas

Prática de fumar causa danos para quem fuma e quem convive com fumantes A OMS considera o tabagismo um fator de risco evitável, uma…
Rolar para cima
Pular para o conteúdo