Home Care: A importância da enfermagem no serviço de atenção domiciliar

Tempo de leitura: 3 minutos. 

Os pacientes acamados, idosos ou em reabilitação precisam de cuidados especiais, sobretudo, no atendimento domiciliar. Esse serviço multidisciplinar é muito importante para manter a qualidade de vida do paciente.

Os profissionais que assistem um paciente domiciliar, são capacitados para lidar com situações do dia a dia e agir com rapidez em caso de algum contratempo. O enfermeiro tem um papel essencial nos cuidados com este paciente de forma a criar vínculo com a família e com o paciente. 

Para que você entenda melhor a essencialidade do atendimento domiciliar, trouxemos neste post o conceito do home care e seus benefícios. Continue lendo e como o serviço de atenção domiciliar pode fazer total diferença na vida de um indivíduo!

O que é o home care?

É um tipo de atendimento diferenciado realizado por uma equipe de profissionais da saúde, que assiste o paciente no âmbito domiciliar. O objetivo é transferir para o ambiente domiciliar todos os cuidados oferecidos em uma unidade médica, continuando assim  a assistência.

Com o home care, a necessidade de permanência prolongada no hospital é reduzida sem, contudo, interromper o atendimento que o paciente precisa. Os profissionais seguem todas as orientações e prescrições médicas, melhorando a qualidade de vida. 

De modo geral, o atendimento é feito por uma equipe multidisciplinar composta por médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, cuidadores e outros profissionais. Cada um tem um papel importante, de acordo com as necessidades do paciente.

Quais os benefícios do atendimento domiciliar?

O atendimento domiciliar traz uma série de vantagens tanto para o paciente quanto para os familiares ou responsáveis. Veja algumas delas!

Atendimento em casa

O ambiente familiar é mais confortável do que os quartos e leitos de hospital, o que deixa o paciente mais à vontade e até mesmo disposto a enfrentar a maratona de terapias, medicamentos ou procedimentos. 

Independência

Dependendo do tipo de problema enfrentado pelo paciente, a assistência domiciliar traz mais autonomia ao indivíduo. Isso porque, os profissionais são capacitados para estimular a independência, com uma atenção personalizada, o que pode acelerar o processo de melhora. 

No home care a segurança é maior, assim como a dedicação exclusiva ao paciente que tende a se sentir mais disposto e encorajado a colaborar com o próprio tratamento.

Maior afetividade

Um paciente por muito tempo acamado ou em processo longo de reabilitação pode se sentir isolado e abandonado quando internado em um hospital. O home care gera maior proximidade e afetividade com os profissionais e família. 

Qual o papel do enfermeiro na atenção domiciliar?

O profissional de enfermagem tem participação importante na assistência domiciliar oferecendo uma assistência com vistas à promoção à saúde, à orientação, ao acompanhamento e ao apoio, identificando e avaliando suas necessidades para melhorar suas condições de saúde, minimizando limitações e promovendo a qualidade de vida.

Cabe ao enfermeiro realizar todos os procedimentos necessários proporcionando um atendimento mais humanizado. Um profissional bem treinado transfere a rotina de um hospital para um lar, de uma forma mais empática e afetiva. 

Falamos do trabalho da enfermagem, mas é preciso frisar que a maioria dos pacientes em assistência domiciliar precisa ser assistido por uma equipe multidisciplinar. Quanto maior o envolvimento e atuação dos profissionais diversos, maiores as chances de melhora ou manutenção de um quadro estável. 

Gostou do post? Que tal aproveitar a visita para conhecer o Usifamília e todo o trabalho desenvolvido por uma equipe multidisciplinar em prol da saúde e da qualidade de vida!

Referências: 

DANIEL, A.; M.; J.; C.; BRUNO, A.; N.; HENRIQUE, I.; G.; S.; GABRIEL, J.; F.; A.; DUTRA, L.; S.; T.; ARAÚJO, M.; S.; SILVA, M.; A.; O.; HENRIQUE, P.; C,. PHILIPPE, P.; M.; L.; BARBOSA, R.; B. Enfermagem e o cuidado domiciliar. 2020. Disponível em: <https://educapes.capes.gov.br>.Acesso em: 25 de Mai. 2022.

GOMES, M.; S. Equipe de saúde da família na atenção domiciliar: a importância do técnico de enfermagem. 2016. Disponível em: <https://docs.bvsalud.org/biblioref/coleciona-sus/2016/35446/35446-1151.pdf>. Acesso em: 25 de Mai. 2022.

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Atenção domiciliar na atenção primária à saúde. 2020. Disponível em: <https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/atencao_domiciliar_primaria_saude.pdf> Acesso em: 25 de Mai. 2022.

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE ASSIS. Manual do serviço de atenção domiciliar da secretaria municipal da saúde de Assis. 2020. Disponível em: <https://saude.assis.sp.gov.br/uploads/documentos/1167508062020111330.pdf> Acesso em: 25 de Mai. 2022.SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE

CAMPINAS. Protocolo de Assistência de Enfermagem Domiciliar. 2020. Disponível em: <https://saude.campinas.sp.gov.br/enfermagem/SAD_Protocolo_de_Assistencia_de_Enfermagem_Domiciliar.pdf> Acesso em: 25 de Mai. 2022.

Postagens Relacionadas

O dia 21 de junho marca o início do inverno, no Brasil, e é também quando se celebra o Dia Nacional de Controle da…
Condição crônica atinge população mais jovem devido a estilo de vida pouco saudável A hipertensão arterial, popularmente conhecida como pressão alta, é uma condição…
Rolar para cima
Pular para o conteúdo