Saúde do Homem – Higienização íntima e saúde

Muitas vezes, as mulheres sentem uma pontinha de inveja dos homens pela praticidade para ir ao banheiro quando comparada à rotina feminina. Mas engana-se quem pensa que os homens não devem tomar certos cuidados ao utilizar o banheiro. O primeiro deles é com relação à limpeza das mãos. É muito importante lavá-las antes e após urinar, já que o pênis será manuseado com as mãos e, portanto, estar com elas limpas evita que bactérias, ou mesmo alguma doença sexualmente transmissível (DST), se instalem na região.

Outra atitude importante diz respeito a enxugar o pênis. Embora a grande maioria dos homens não tenha este hábito e não o ache importante, é ele que fará com que a região não fique úmida evitando a proliferação de fungos.

Na hora do banho, é necessário dedicar atenção especial à região íntima. Inicialmente, é preciso retrair o prepúcio, que é a pele que recobre a glande, e lavar com sabonete retirando todo o esmegma (secreção branca que fica acumulada na região). A higiene deve se estender por toda a extensão do pênis, além dos testículos, virilha e ânus. Esse hábito evita infecções por fungos e bactérias e o câncer de pênis. Homens que não operaram a fimose devem ter ainda mais cuidado quanto à limpeza, pois o estreitamento do prepúcio pode facilitar o acúmulo de sujeiras e levar a irritações na área.

Outro momento importante para realizar a higiene da região intima é após a relação sexual. Esta atitude elimina o sêmen e o lubrificante do preservativo que ficaram no pênis. Caso tenha tido relação sexual sem uso de camisinha, a atitude torna-se ainda mais importante para diminuir a probabilidade de infecções. Homens que não seguem uma rotina de higiene para a região íntima estão mais susceptíveis a doenças infecciosas, inflamatórias e até mesmo ao câncer de pênis que, embora não seja muito comum, pode causar sérios danos se não for tratado adequadamente.

Caso note qualquer alteração na região, procure um médico urologista para que ele possa avaliar o caso e proceder da melhor forma possível.

Postagens Relacionadas

Prática de fumar causa danos para quem fuma e quem convive com fumantes A OMS considera o tabagismo um fator de risco evitável, uma…
Rolar para cima
Pular para o conteúdo