Sedentarismo: jamais!

Com o avanço da tecnologia e dos dispositivos eletrônicos, nossa vida ficou mais fácil e cômoda, mas a grande maioria da população perdeu muito em qualidade de vida.

Se antes havia tempo para realizar uma atividade física – caminhar, dançar, pedalar, nadar, ou qualquer outra –, hoje a realidade já não é mais a mesma. Vemos a situação tornar-se mais preocupante a cada dia, com crianças se relacionando com a tecnologia cada vez mais cedo, e perdendo momentos importantes de crescimento pessoal e físico.

Mas não só as crianças sofrem com essa questão. Jovens e adultos acostumaram-se à comodidade e, em consequência, desenvolvem condições propícias para a diabetes, hipertensão, obesidade etc.

Faça um exame de consciência: será que não está na hora de começar a se mexer? Não custa relembrar: o sedentarismo é considerado um problema global, que mata mais que a obesidade, por isso, comece a se exercitar agora mesmo!

E nem precisa ir para a academia. Uma caminhada com colegas ou familiares já ajuda bastante e existem diversos grupos comunitários que se reúnem para praticar exercícios físicos. Além disso, se sua rotina de dona de casa é agitada saiba que é um bom sinal: as atividades desenvolvidas na arrumação diária gastam inúmeras calorias e podem ser consideradas atividades físicas. O importante para sair do sedentarismo é se exercitar pelo menos 30 minutos no mínimo 3 vezes na semana.

Moleza, não acham?

Postagens Relacionadas

Médico do Hospital Márcio Cunha alerta sobre a privação do sono que pode levar a distúrbios como depressão, insônia e apneia. O sono adequado…
Rolar para cima
Pular para o conteúdo